MSDN.com | MSDN Brasil
imagem de enfeite imagem de enfeite

Artigos

Nesta seção é exibido os artigos que estão disponíveis no site Projetando.NET. Abaixo é exibido uma listagem contendo o Título, Descrição, Categoria e Data de Publicação de cada um deles. Além disso, clicando nesta imagem Projetando.NET - RSS você tem acesso a listagem dos artigos publicados no Projetando.NET e assim, poderá cadastrá-lo em seu leitor de Feeds.

Formatando objetos utilizando IFormattable

Já vimos e utilizamos várias vezes padrões de formatação que são fornecidos intrinsicamente pela infraestrutura do .NET Framework desde a sua versão 1.x. Esses padrões são comuns quando necessitamos formatar datas ou números, para exibirmos ao usuário um valor mais amigável e, alguns exemplos típicos estão neste artigo. Mas há situações em que precisamos formatar o nosso objeto customizado e, felizmente, o .NET Framework fornece uma interface chamada IFormattable qual possui um único método denominado, ToString qual é invocado automaticamente pelo runtime quando especificamos uma formatação.
Categoria: .NET - Data de Publicação: 10/01/2007 20:11:31
Migrando Profiles

É muito comum termos cenários onde usuários podem interagir com uma determinada aplicação ASP.NET, onde deverá manter os valores durante todo o percurso do mesmo dentro do site. O ASP.NET 2.0 introduziu um recurso bem interessante chamado de Profiles, qual já discutimos anteriormente nestes artigos. Como também já sabemos, estes profiles podem ser somente para usuários autenticados ou ainda, em alguns cenários, usuários anônimos podem também ter o seu próprio profile. Um caso típico, é quando estamos em uma loja virtual e adicionamos todos os produtos que desejamos em nossa cesta de compras e, somente quando formos finalizar a compra, é que nos identificamos, ou seja, passamos de usuário anônimo para um usuário autenticado.
Categoria: ASP.NET 2.0 - Data de Publicação: 20/11/2006 21:51:26
WebParts

Dentre todas as novidades que foram incluídas dentro do ASP.NET 2.0, não podemos descartar as chamadas Web Parts. O uso delas permitem que os usuários finais da aplicação possam modificar o conteúdo da página, a aparência e também o comportamento, sem recorrer a códigos e/ou operações mais complexas. Para aqueles que já estão familiarizados com o Windows Live Spaces, verão que o mesmo faz o uso dessas Web Parts. Além do Windows Live Spaces, ainda temos o mais recente Live.com, o qual provavelmente faz o uso desse recurso. As Web Parts permitem ao desenvolvedor criar aplicações mais ricas e ao mesmo tempo deixar o usuário customizar como ele desejar. No decorrer deste artigo, vamos conhecer as principais funcionalidades disponibilizadas pela arquitetura de Web Parts.
Categoria: ASP.NET 2.0 - Data de Publicação: 08/11/2006 00:29:40
Entendendo e Implementando Segurança no ASP.NET 2.0

As novas API's de segurança do ASP.NET 2.0 estão realmente mais completas e com muitas das coisas que fazíamos anteriormente com ASP.NET 1.x já encapsuladas. Um novo design nas classes, controles ricos que já estão integrados com estas API's de segurança, tornando o código mais seguro, elegante e menos propício a erros e, além destas características, a quantidade de código caiu drasticamente. A finalidade deste artigo é dar um overview completo destas novas API's, começando em como está desenhada a arquitetura da mesma e passando pelo Membership e Roles. Depois disso, veremos as integrações com os controles já intrínsicos do ASP.NET, o Web Site Administration Tool e finalmente, um exemplo da configuração na íntegra do arquivo Web.Config.
Categoria: ASP.NET 2.0 - Data de Publicação: 03/05/2006 00:57:19
Criando um DebuggerVisualizer

A Microsoft incluiu na versão 2.0 do .NET Framework uma possibilidade de criar um debugger customizado para um determinado objeto que temos. Isso permite-nos criar uma interface mais amigável em relação à qual é fornecida quando utilizamos o debug do Visual Studio .NET 2005. Essa técnica é chamada de Debugger Visualizer e veremos como criá-lo no decorrer deste artigo.
Categoria: .NET 2.0 - Data de Publicação: 30/04/2006 12:26:11
Health Monitoring

Nas versões anteriores do ASP.NET tínhamos algumas funcionalidades/serviços que nos permitiam monitorar a vida de uma aplicação ASP.NET. Podemos considerar como estes serviços os Traces e os contadores de performance. O ASP.NET 2.0 introduz um novo conceito, chamado de Health Monitoring, que trata-se de uma infraestrutura completa para monitoramento da aplicação ASP.NET, permitindo-nos analisar posteriormente o comportamento de tal aplicação, analisando a performance, diagnosticar falhas da aplicação e também eventos significativos durante a vida da aplicação em questão.
Categoria: ASP.NET 2.0 - Data de Publicação: 19/03/2006 22:40:58
Limitando o conteúdo de uma coluna no DataGrid

Quando carregamos um DataGrid com valores vindos de uma base de dados, muitas vezes o conteúdo da coluna da tabela ultrapassa o espaço que temos para exibir o mesmo para o usuário. Nestes casos, temos que limitar a quantidade de caracteres para não "estourar" a largura da área de trabalho. O que se costuma fazer nestas situações é limitar já diretamente na query SQL utilizando o método SUBSTRING ou, já diretamente no código ASP.NET onde, no evento ItemDataBound do DataGrid utiliza também o método Substring da String para limitar. A solução apresentada neste artigo é criar uma coluna customizada para que não se precise alterar a query SQL e também evitar de tratar isso em todo o evento ItemDataBound. A idéia é criar uma coluna que herde diretamente da classe BoundColumn que tem as funcionalidades básicas de uma coluna do DataGrid.
Categoria: ASP.NET - Data de Publicação: 11/03/2006 07:48:11
Criando uma Seção de Configuração

Quando construímos algum componente e este deverá ser parametrizado através de valores que o desenvolvedor pode customizar no arquivo Web.Config/App.Config, podemos criar seções customizadas dentro destes arquivos para essa configuração. A vantagem de criar e utilizar esse recurso ao invés da seção appSettings é que aqui conseguimos uma melhor flexibilidade. A finalidade deste artigo é demonstrar como fazer isso na versão 2.0 do .NET Framework.
Categoria: .NET 2.0 - Data de Publicação: 18/02/2006 09:16:53
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8
 


2005. Projetando.NET.